Bono apela para nações ricas combaterem pobreza na África

Bono apela para nações ricas combaterem pobreza na África

ADISABEBA, Etiópia (Reuters) – O astro de rock irlandês Bono Vox fez nesta quarta-feira um comovido apelo para as nações ricas aumentarem a ajuda para a África e perdoarem sua dívida, dizendo que era do interesse deles impedir que os países pobres virem outro Afeganistão.

Simplesmente não é aceitável que a Etiópia, onde 62% dos adultos são analfabetos, onde um milhão de crianças é órfã, nos pague 100 milhões de dólares por ano”, disse Bono em um discurso pontuado por aplausos e vivas de delegados em uma conferência anual do Banco de Desenvolvimento Africano (BDA).

Isso não é aceitável sob aspecto algum, em nenhum nível, em nenhum lugar, de jeito nenhum”, disse o líder da banda U2 no encerramento da conferência na capital da Etiópia, Adis-Abeda.

Bono está na última parte de uma viagem a quatro nações africanas ao lado do secretário do Tesouro dos Estados Unidos, Paul O’Neil. A inusitada dupla já visitou Gana, África do Sul e Uganda, discutindo pobreza e temas sociais e de desenvolvimento, e o cantor tem defendido maior ajuda estrangeira a cada etapa do caminho.

(Por Tsegaye Tadesse)

Os comentários estão encerrados.