Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

16 dezembro 2015 16:02

por: Priscila Liporone

Depois de uma breve passagem por Nova Iorque, onde participaram de um evento comemorativo da ONE e da RED, Bono e Edge se juntaram a Adam e Larry em Paris. Era chegado o momento de terminar o que ficou pela metade: os dois últimos shows na capital francesa, que foram adiados após os atentados terroristas do dia 13 de novembro. Assim como a transmissão pelo canal americano HBO e um breve chat pelo Twitter, em que a banda respondeu a algumas perguntas enviadas por fãs. Adam comandou o “aquecimento” para o especial da TV, postando pequenos vídeos nas redes sociais do U2 antes de cada show.

Surgiram diversos rumores de que o U2 traria ao palco a banda Eagles of Death Metal, que estava tocando na casa de shows que foi invadida naquela noite. O site oficial lançou uma nota esclarecendo que haveria, sim, a presença de um convidado especial, mas que não se tratava da banda americana.

Ambos os shows tiveram um clima de união e solidariedade, com Bono falando em francês com o público diversas vezes. Tendo ele próprio vivido de perto os horrores do terrorismo, desde o início Bono pareceu motivado num nível pessoal; talvez por isso mesmo as performances de Raised By Wolves e Sunday Bloody Sunday tenham ganhado um significado ainda mais intenso nestas apresentações.

 

06/12 – noite 3

Apesar da emoção constante ao longo de todo o show, o U2 voltou ao modo “ensaio pré-transmissão” em alguns momentos, incluindo pequenos erros. Mas nada disso teve peso diante da grandiosidade do momento e da energia vinda do público, que cantou junto a maioria das músicas e reagiu positivamente a cada interação de Bono.
Um dos momentos mais marcantes foi em City of Blinding Lights, quando o telão exibiu uma imagem que formava a bandeira da França usando os nomes das vítimas dos atentados, além do desenho estilizado da Torre Eiffel.
Ordinary Love, que havia sido deixada de lado nesta leg, foi tocada por ocasião do aniversário de morte de Nelson Mandela, com direito a discurso de Bono em homenagem à memória de Madiba.
Ao final de Bad, a convidada especial foi trazida ao palco: assim como em Londres, Patti Smith acompanhou a banda na execução de sua emblemática canção People Have The Power. Final de show inesquecível! Veja aqui.

Setlist:

The Miracle (Of Joey Ramone)
Out Of Control
Vertigo
I Will Follow
Iris (Hold Me Close)
Cedarwood Road
Song For Someone
Sunday Bloody Sunday
Raised By Wolves
Until The End Of The World / Love And Peace Or Else (snippet)
Invisible
Even Better Than The Real Thing
Mysterious Ways
Elevation
Ordinary Love
Every Breaking Wave
October
Zooropa (snippet) / Bullet The Blue Sky
Zooropa
Where The Streets Have No Name / California (There Is No End To Love) (snippet)
Pride (In The Name Of Love)
With Or Without You
City Of Blinding Lights
Beautiful Day
One / Invisible (snippet)
Bad
People Have The Power

 

07/12 – noite 4

O ultimo show da Innocence + Experience Tour foi o escolhido para ser transmitido para o publico dos EUA pela HBO, com algumas horas de atraso. Tudo deveria sair perfeito – e assim foi.
O setlist teve uma música a menos, assim como no primeiro show realizado em Paris; porém, ao contrário daquele, para este houve uma ótima explicação. Foi para acomodar uma música extra que viria no final do show…

Uma votação realizada no início de novembro no site U2.com prometia levar alguns dos fãs que participaram da turnê, ao lado da banda no palco, de volta para mais alguns minutos de fama. Este retorno aconteceria num dos shows adiados, e acabou remarcado para este último. Pudemos ver novamente várias das “figurinhas carimbadas” que frequentaram o palco B da i+e Tour, como o famoso U2BROTHR, durante Elevation. A passarela foi tomada por eles, num verdadeiro momento de celebração.

Após Zooropa, a fala em favor dos refugiados foi substituído por um recado claro aos terroristas: “Vocês querem que nós sintamos medo? Que viremos as costas para nossos vizinhos? Vocês não conseguirão o nosso ódio. Escolhemos o amor em vez do medo! Amor em vez de medo!”.

Mas o ápice da noite foi mesmo o final. Antes de One, Bono fez um discurso sobre a violência, incluindo os ataques em Paris e outros incidentes, como o de San Bernardino, nos EUA. Ao final da música, chamou para o palco a banda Eagles of Death Metal, dizendo: “eles foram tirados de seu palco três semanas atrás, então queremos oferecer o nosso para eles hoje”. Juntas, as duas bandas tocaram People Have The Power, de Patti Smith. Em seguida, os quatro membros do U2 se retiraram do palco, para que seus convidados pudessem fazer aquilo que foram impedidos na noite de 13/11: tocar para o público francês. A música escolhida foi “I Love You All The Time”. Esta foi a primeira vez que uma banda ou artista tocou no palco do U2 sem que nenhum dos quatro membros participasse.

Confira o vídeo deste momento histórico!

A atitude teve repercussão positiva em todo o mundo, ganhando destaque em diversos veículos de comunicação, inclusive no Brasil, sendo citada nos principais telejornais do país.

Uma turnê tão especial merecia mesmo um grand finale como este, mostrando que a música tem o poder de unir as pessoas e que juntos somos, sim, mais fortes que o medo!


Setlist:

The Miracle (Of Joey Ramone)
Vertigo
I Will Follow
Iris (Hold Me Close)
Cedarwood Road
Song For Someone
Sunday Bloody Sunday
Raised By Wolves
Until The End Of The World / Love And Peace Or Else (snippet)
Invisible
Even Better Than The Real Thing
Mysterious Ways
Elevation
Every Breaking Wave
October
Zooropa (snippet) / Bullet The Blue Sky
Zooropa
Where The Streets Have No Name / California (There Is No End To Love) (snippet)
Pride (In The Name Of Love)
With Or Without You
City Of Blinding Lights
Beautiful Day
Bad
One / Invisible (snippet)
People Have The Power
[Eagles of Death Metal: “I Love You All The Time”]

 

Assim chega ao fim a Innocence + Experience Tour – ou pelo menos parte dela, pois não há nenhuma informação se ela continuará em 2016 ou se teremos algo novo para substituí-la. Por enquanto, o U2 voltou para casa… e nossa torcida é que este recesso dure bem menos que o de costume!

Comentários

Maria Teresa Menegassi da Rosa

Como sempre impecável o relato, parabéns e obrigada Priscila.

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet