Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

18 junho 2012 17:44

por: febottini

No Electric Burma, um evento especial no Grand Canal Theatre, em Dublin, Bono entregou à Aung San Suu Kyi o prêmio da Anistia Internacional, “Embaixadora da Consicência”. O prêmio originalmente foi anunciado no palco do U2, quando eles tocaram no Cork Park em 2009 enquanto ela ainda estava em prisão domiciliar em Burma.

Leia abaixo o discurso completo de Bono:

“Daw Suu, obrigado por estar conosco esta noite…

Nós sabemos que há vários outros lugares que você poderia ter visitado. Entendemos o sinal de sua presença aqui e somos gratos.
Enquanto alguns podem estar coçando a cabeça para o fato de que em uma de suas primeiras viagens no exterior, você resolveu visitar nossa pequena pedra no Atlântico Norte … ninguém aqui está coçando a cabeça … todos nós sabemos que você veio para segurar a mão da Irlanda para …para o jogo desta noite contra a Itália.

Não há ninguém nesta ilha que não entenda como é cara da palavra liberdade.
Como é difícil para a palavra justiça existir.
Como a palavra paz pode ser quixotesca.
Depois de todos esses anos com as mágoas do coração abertas em um espaço fechado, seu caminho recém-percorrido te trouxe aqui para Dublin em uma antiga grande luta pela sua honra… e nós amamos isso.
Éuma das grandes ironias que pelo seu confinamento -, tirando sua chance de desfrutar do mundo – o mundo tornou-se a sua casa.

Oslo esta manhã foi a sua casa.

Londres esta noite a sua casa.

Dublin esta tarde a sua casa.

Então Failte abhaile… bem vinda.
Entendemos que os irlandeses têm sido uma presença sutil e às vezes não tão sutil em sua vida.
Sean McBride como um dos quatro fundadores da Anistia Internacional ajudou a criar uma organização que se tornou parte de sua vida. E continua a lutar pela libertação das centenas de prisioneiros que continuam detidos em seu país.

Nós saudamos a Anistia Internacional e Shetty Salil, e também Bill Shipsey … E o grupo Burma Action Ireland… John Boorman, que está aqui esta noite.

Ouvimos dizer do papel sutil de Christopher Gore-Booth, que introduziu-lhe a seu marido Michael, e o melhor homem em seu casamento… 40 anos este ano. Nós agradecemos por Michael. E para Alexander e Kim. Que tão essencialmente amou você, desistindo da manifestação óbvia deste amor. Nós, particularmente, os aplaudimos hoje… Kim esta com a gente aqui.

A presença não tão sutil de nossa banda em sua vida – não tenho certeza de quantos hoje estão conscientes de que você foi para a estrada com o U2. Que nós compartilhamos uma noite após noite no palco da turnê 360, que você se apresentou para sete milhões de pessoas ao longo de dois anos… era a versão digital de você, mas como eu tenho dito a todos que você ao vivo é muito boa!

Estávamos ansiosos para que você encontrasse a coisa que é mais preciosa em nossa vida fora as nossas famílias e amigos… nosso público. Eles são realmente um fenômeno e famintos por todas as coisas que você tem fome… grandes defensores da Anistia.

E todas as noites você os lembrou de seu potencial. Que suas vozes eram “mais altas do que qualquer tanque ou lançamento de foguetes.” Que podia ser ouvida por todo o caminho até a Birmânia.

Saudamos todos os ativistas envolvidos nestas questões e espero que eles possam ser ouvidos hoje à noite na Birmânia. Saudamos a plateia do U2 esta noite.

Felizmente eles não eram estudantes de ciências políticas carregando uma cópia do Freedom from Fear… alguns pensam que ASSK era uma banda de metal da Ásia…

E a influência não tão sutil de Michael Collins em seu pai… conversando, hoje eu descobri que Collins foi uma grande influência no General Sans Aung na luta pela independência.

Por aqui sabemos muito bem que a revolução violenta é a maneira que o mundo se refaz-se do início dos tempos e que a guerra está no coração da história humana. Mas você, Daw Suu, acredita em algo diferente.

Que a guerra pode ser desaprendida e rejeitada.
Que possamos reiniciar o espírito humano. Através da reflexão dura e ações rigorosas.
Se Pascal estava certo quando ele sugeriu “todos os problemas de humanidades derivam da incapacidade do homem de ficar parado em uma sala”… bem agradecemos a Deus que você é uma mulher, graças a Deus você é uma mulher. Vinte e três anos é muito tempo para ficar parada.

Nossos Yeats diriam “A paz vem aos poucos… de você temos a sensação de que a paz não é ausência da guerra em torno de nós, mas sim a ausência da guerra dentro de nós. E que os alicerces de um futuro melhor está melhor colocado por argamassa poupado de sangue.

É por isso que o Prêmio da Anistia foi criado – com a esperança de que sempre alguém tão frequentemente com ideias tão nobres quanto as suas ambições pudesse vir a reinvindicá-lo.
Bem, aqui está você… recebendo este prêmio.

Masa honra é nossa só de estarmos com você.
Todo mundo está aqui para cantar pra você nesta noite, mas é a sua música que todos querem ouvir.
É a sua música que nós precisamos nas rádios do mundo inteiro… suas palavras… sua melhor melodia. É uma música atemporal ainda que parece mais importante agora, mais do que nunca…
Por favor, bem vinda ao palco…Daw Aung San Suu Kyi.”

Fonte: U2.COM

UltraViolet-U2 no Twitter: https://twitter.com//ultravioletu2
UltraViolet-U2 no Facebook: https://www.facebook.com/UltravioletU2Brasil

Comentários

É impressionante o quanto esse homem sabe fazer belos discursos gente! Muito bom!

Esse homem é uma mágica ao falar. Consegue sensibilizar a todos que acreditam por algo melhor.

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet