Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

13 maio 2012 21:15

por: febottini

Como já noticiamos aqui, está rolando em Dublin uma exposição de fotos raras do comecinho da carreira do U2, tiradas pelo fotógrafo Patrick Brocklebank. (http://www.ultraviolet-u2.com/noticias/2012/05/05/exposicao-de-fotos-do-u2-sera-aberta-em-dublin/).


No dia 10 de maio, aconteceu a inauguração desta exposição. Quem estava lá pra conferir tudo de perto era o empresário da banda, Paul McGuinness.

Ele relembrou da apresentação da banda à Bill Graham, da Hot Press. “O U2 enganou Bill indo a um dos ensaios iniciais. Eles tocaram algumas das suas ‘músicas próprias’, mas Bill os fez parar e disse: ‘Espera aí, todas essas canções que vocês estão tocando são dos Ramones’. ‘O U2 disse ‘OK, você está certo, mas nós vamos escrever músicas maravilhosas’, é o que eles estão fazendo até hoje,” disse McGuinness.

O empresário do U2 também comentou sobre a imprensa musical e as rádios piratas do final dos anos 70 e relembrou dos primeiros shows no Dandelion Market e no Project Arts Centre, quando, uma vez, uma gangue chamada ‘Os Católicos Negros’ apareceu.

“Os Católicos Negros se dedicavam a destruiu os shows das outras pessoas. Eu ganhei cedo uma reputação completamente desmerecida de violento tirando um deles na rua ao lado do Project,” disse McGuinness.

Falando à rádio Phantom 105.2, ele ainda contou como assumiu a banda. “Eles tinham convicção, inteligência e talento. Eles não eram particularmente ótimos músicos no início, mas claramente Bono era um artista excelente. Ele estava procurando contato com a plateia.”

Patrick Brockleband disse sobre o U2, “Eles pareciam muito crus. Fora do palco, Bono falava demais, The Edge parecia um acadêmico, Adam era um rapaz da cidade, mas como um propósito, e Larry só um menino de escola”.

Também estiveram na abertura da exposição Gavin Friday, Niall Stokes, John Stephenson – que dirigia o Project Arts Centre – e Dave Fanning.

Paul McGuinness pediu desculpas pela ausência do Bono, que estava em Nova York comemorando seu aniversário junto de sua família e de sua filha Jordan, que também faz aniversário no mesmo dia.

A exposição vai até o dia 2 de setembro, no Little Museum of Dublin. Mas quem não puder viajar até a Irlanda mas tem uma graninha sobrando, pode comprar alguns dos produtos que estão sendo vendidos, como pôster e o catálogo  – http://www.littlemuseum.ie/shop/u2-exhibition

Deem uma olhada nesta reportagem bem bacana da RTE, que mostra um pouco da exposição, algumas fotos e uma pequena entrevista com o fotógrafo Patrick Brocklebank.

UltraViolet-U2 no Twitter: https://twitter.com//ultravioletu2
UltraViolet-U2 no Facebook: https://www.facebook.com/UltravioletU2Brasil

Comentários

Não dá para negar que eles eram uns caras-de-pau.
Interessante o catálogo. Tem um foto do Bono muito bonita.

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet