Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

30 abril 2011 15:38

por: Márcio Guariba

/// “Television; The Drug Of The Nation” ///

O U2 nasceu na era pré-MTV, mas cresceu com ela. Mesmo não sabendo tirar muito proveito disso no começo. Os primeiros vídeos da banda são paupérrimos, pra não dizer, toscos. “Lost on a Silent Planet”  (Ou Life on a Distant Planet) e “I Will Follow” com seus fundos cromaqui; “Gloria”, onde quatro mendigos vagueiam pelo cais de Dublin. “A Celebration” e sua tentativa de soar New Wave…

New Year’s Day” e Larry segurando a caixa enquanto todos congelam na neve nórdica fingindo ser cavaleiros da paz… “Two Hearts Beat As One” é bobinho que só… “Sunday Bloody Sunday” foi importante porque marcou a imagem da banda ao vivo… Calças apertadas e bandeiras brancas…

Quando a banda decidiu crescer, em “The Unforgettable Fire”, os vídeos deram uma melhorada… Pena que o figurino não… “Pride (In The Name Of Love)” tem três versões…A terceira, dirigida pela mais tarde fantástico Anton Corbjin, é de dar dó… Bono, ao final, parecer sofrer de constipação, coitado…

A faixa título é representada por um clipe soturno, onde quem se destaca é o cabelo chitãozinho de Bono. “Bad” e “A Sort of Homecoming” ganharam versões ao vivo, onde nosso querido senhor Hewson canta com uma camisa preta de padre e um crucifixo junto ao pescoço.

Quando a banda estourou, os vídeos ficaram mais iconográficos… “With Or Without You” é estranho para o tamanho do hit que ele representa. “I Still Haven’t Found What I’m Looking For” mostra uma banda puritana atravessando a tentação de Las Vegas. “Where The Streets Have No Name” crava “Somos fora-da-lei também! Vamos copiar os Beatles e parar o transito”…

In God’s Country” e “Spanish Eyes” ganharam vídeos feitos a toque de caixa e “Red Hill Mining Town”, que só viu a luz da vida recentemente na caixa comemorativa do aniversário do “The Joshua Tree”. O resultado beira ao homo-erótico.

Na fase “Rattle and Hum”, depois de três clipes fracos (“Desire”, gravado nas ruas de Los Angeles, “Angel Of Harlem” e sua nostalgia e “When Love Comes To Town”, retirado do filme) veio à primeira obra de arte da banda; “All I Want Is You”. Lindo e misterioso. Dez anos pra conseguirem fazer um ótimo clipe!!!

Isso iria mudar dali pra frente…

Os anos noventa chegaram e eles decidiram entregar seu som, sua alma e seu visual pra quem entendia. Saíram os trapos, as botas de cowboy, os babados, os peitos cabeludos e cabeleiras vastas… Bem vindo ao “ZOO TV”!

Mas antes, “Night And Day”, lançado em 1990 mostrava uma transição. Bono ainda aparecia sem camisa e com suspensório, mas o clima já era outro. E quando “The Fly” saiu em 91, às coisas começaram realmente a mudar.

Larry de camiseta dos Ramones, Edge de gorrinho, Adam de Ray Ban e Bono, como um Gene Vincent perdido em Nova York, de couro e óculos escuros. “The Fly” é o nascimento da “ZOO TV”, a mais importante época da banda. “Mysterious Ways” e seu jogo de espelhos, gravado no Marrocos é outro clássico. Uma explosão de cores psicodélica e sensual.

One” teve três clipes e dois deles são os melhores da história da banda; A versões de Anton Corbjin, rejeitada na época e só lançada muito tempo depois, e a construtivista versão de Mark Pellington, rejeitada nos Estados Unidos e substituída por outra, feita por Phil Joanou.

Se um dia uma música foi representada por seu vídeo, aconteceu nesses dois casos…

 “Even Better Than The Real Thing” que tem três versões, todas sensacionais…O efeito criado por Kevin Godley num Loop entrou pra história.

Fora o remix, feito por Paul Oakenfold, que teve um video engraçadíssimo editado por Kevin Godley.

Who’s Gonna Ride Your Wild Horses”, “Until The End Of The World” e “Love Is Blindness” comuns, mas melhores que quase tudo dos anos oitenta.

Na fase “Zooropa”, três clássicos; A ode ás avessas a televisão em”Numb”, uma homenagem ao cinema mudo em “Lemon” e o segundo melhor vídeo da carreira da banda; “Stay”, dirigido por Wim Wenders em Berlim… Como se ali, o ciclo daquela era estivesse se fechando.

Depois, visitaram os quadrinhos em “Hold Me, Thrill Me, Kiss Me, Kill Me”, onde a música e o vídeo são ótimos, mas o filme no qual foi inspirado… Pelamor;

Um vídeo raríssimo dessa época, é do tributo á Marvin Gaye, que Bono participou, numa parceria com o rei da Soul Music (post morten, é claro), na faixa “Save The Children”. ela não pode ser anexada aqui, mas se você quiser assistir, clique aqui.

Miss Saravejo”, uma colagem de cenas ao vivo e do documentário bancado por Bono… Pausa. Quem venha às cores vivas!

Discothéque” é genial! Dirigido pelo mesmo diretor de “Mysterious Ways”, Stéphane Sednaoui, o clipe é um insulto aos fãs puristas da banda. Eles esticaram a tolerãncia de seus fãs ao máximo aparecendo vestidos de clubber, dançando dentro de uma bola espelhada e travestidos de Village People; Hilário e sensacional.

Depois, ficou difícil para “Staring At The Sun” (Com duas versões), “If God Will Send His Angels” e “Please”… Todos chatos. “Last Night On Earth” tentou manter o clima e trouxe até William Burroughs pra farofa. O remix de “MoFo” e a versão ao vivo de “Gone” são pra encher linguiça.

Sweetest Thing” é chata, mas o vídeo é divertido… Daí, voltamos para o piloto automático… Ou melhor, “vamos agradar os americanos”… “Beautiful Day”, “Elevation”, ‘Walk On” são chatíssimos. Este último, inclusive, teve um vídeo feito aqui no Brasil, durante a passagem da banda pelo Rio de Janeiro em 2000. O resultado porém, não vai muito além de futebol na praia e cerveja no boteco. Meio patrocinado pela secretaria de turismo da cidade, com alguns ‘favela moments’. O único que teve algum resultado artístico foi “Stuck In A Moment You Can’t Get Out Of It”, em compensação, a segunda versão, lançada no mercado americano é o pior clipe da história da banda. “Kite”, retirada do DVD de Boston, fechou o ciclo.

 “Electrical Storm”, que fez parte da segunda coletânea de 2002, marcou pelo simples fato de trazer Larry como ator principal de um drama de amor… Lindo clipe de Anton Corbjin.

Vertigo” parece propaganda de celular… “All Because Of You”, bem, foi feito pra chamar a atenção dos americanos. ‘City of Blinding Lights” é mais um ao vivo… Dessa safra, temos “Sometimes You Can’t Make it On Your Own”… Bonito porque foi filmado nas locações de Dublin onde a banda tem sua história. “Original of the Species” não foi lançada como single, mas teve dois vídeos.

Depois, da coletânes “18 Singles”, duas versões de cada single; “The Saints Are Coming”, ao vivo e em estúdio e “Window In the Skies”, que teve um vídeo chupado de “Free As A Bird”, dos Beatles, e outro, genial, com colagens mostrando todos os artistas admirados pela banda como se estivessem tocando a música… Entrou fácil no meu top ten.

Na atual fase, nada pra se destacar… “Get on Your Boots”, “Magnificent” e “Crazy Tonight” ficaram bem meia boca… “Magnificent” até tenta copiar um pouco o clima de “Mysterious Ways”, mas não consegue. Mas quem ainda está assistindo TV depois de tanto tempo?

Saldo final? Aqui vão os meus 10 mais…

  1. One” (Anton Corbjin, 1991)
  2. Stay (Faraway, So Close!)” (Wim Wenders, 1993)
  3. One” (Mark Pellington, 1992)
  4. Window In The Skies” (Gary Koepke, 2006)
  5. Discothéque” (Stéphane Sednaoui, 1997)
  6. All I Want Is You”(Meiert Avis, 1989)
  7. Numb” (Kevin Godley, 1993)
  8. Lemon” (Mark Neale, 1993)
  9. Mysterious Ways” (Stéphane Sednaoui, 1991)
  10. Sunday Bloody Sunday” (Gavin Taylor, 1983)

Comentários

Você acha que o de Crazy é meia boca? Tão bonitinho… Mas eu acho que desde o Pop, o U2 não faz mais grandes clipes.

Também gosto bastante de Crazy e o meu filho também, e na minha opinião o ultimo grande clip é Beautiful Day. Acho a cena dos aviões bem marcante, e muita gente que eu conheço e nem é fã do U2 sempre comenta que pirou nesta cena. Acho que combinou muito bem com a musica, efeitos menores que Vertigo, mas muito mais eficiente. Mas se me perguntarem o melhor clip com certeza é Numb, criativo até a medula, até o On Top da Fashion Tv fez uma daquelas votações e Numb ficou em 3º como um dos melhores videos de todos os tempos, atrás somente de Thriler e um outro que não lembro. E aproveitando parabéns pelas matérias.

Eu acho o video de “Crazy” ao vivo mais legal. A animação eu acho boba.

é realmente fantástico q o Bono usasse aquelas roupas toscas no início dos anos 80 sem estar drogado! Que que é essa calça vermelha em A Celebration, pqp!!! hahahhahahaha.. se bem que nos 80 todo mundo era bregão mesmo né..
Obrigada pelos vídeos, tem um monte de coisa que eu não sabia, por exemplo q Pride tinha 3 versões ou que 2 hearts tenha clipe!

é realmente fantástico q o Bono usasse aquelas roupas toscas no início dos anos 80 sem estar drogado! Que que é essa calça vermelha em A Celebration, pqp!!! hahahhahahaha.. se bem que nos 80 todo mundo era bregão mesmo né..
Obrigada pelos vídeos, tem um monte de coisa que eu não sabia, por exemplo q Pride tinha 3 versões ou que 2 hearts tenha clipe!

Olá Mari! Vlw pelos elogios…

Aqui vão os links pros videos que vc não conhece;

Pride (Vr 3)



Two hearts (2 versões)





Vlw!

valeu pelos vídeos!! O Bono mó se achava o cara do Joy Division né??? Dancinhas esquisitas…

Aqui vai meu top 10:

1 – Lemon
2 – Stay (Faraway, so close)
3 – Please
4 – Pride (Versão Slane Castle)
5 – Where The Streets Have No Name
6 – Discothèque
7 – Even Better Than The Real Thing
8 – Elevation
9 – One (versão Berlin)
10 – Window In the Skies

Aqui vai meu top 10:

1 – Lemon
2 – Stay (Faraway, so close)
3 – Please
4 – Pride (Versão Slane Castle)
5 – Where The Streets Have No Name
6 – Discothèque
7 – Even Better Than The Real Thing
8 – Elevation
9 – One (versão Berlin)
10 – Window In the Skies

Boa Lista !

Aqui vai meu top 10:

1 – Lemon
2 – Stay (Faraway, so close)
3 – Please
4 – Pride (Versão Slane Castle)
5 – Where The Streets Have No Name
6 – Discothèque
7 – Even Better Than The Real Thing
8 – Elevation
9 – One (versão Berlin)
10 – Window In the Skies

Boa Lista !

Obrigado! Difícil escolha. Gostaria de parabenizar-te pelo site. Está excelente!

Aqui vai meu top 10:

1 – Lemon
2 – Stay (Faraway, so close)
3 – Please
4 – Pride (Versão Slane Castle)
5 – Where The Streets Have No Name
6 – Discothèque
7 – Even Better Than The Real Thing
8 – Elevation
9 – One (versão Berlin)
10 – Window In the Skies

Boa Lista !

Obrigado! Difícil escolha. Gostaria de parabenizar-te pelo site. Está excelente!

Valeu pela força!

Uma lista dos piores, na minha opinião…

1. “Stuck In A Moment You Can’t Get Out Of” (Versão Americana) (Uma piada de péssimo gosto)
2. “Red Hill Mining Town” (Dirigido pela Nani People)
3. “Elevation” (U2 mal contra U2 bom? Fora que o filme é uma bomba…)
4. “Walk On” (Versão Brasileira) (patrocinado pela secretária de turismo do Rio)
5. “Get On Your Boots” (O Bono quebrando um murinho com um soco é patético…)
6. “A Celebration” (Pela produção tosca…)
7. “Gloria” (Tudo errado… Roupa, cabelo…)
8. “Until The End Of the World” ( Só imagens desconexas. Não passa um pingo da energia da música)
9. “Pride” (Versão 3) (Bono com constipação ao final é de doer)
10. “Magnificent” (Secretaria de turismo de Fez. E qual é a daqueles panos brancos?)

Ah, que isso, Bonão suado em Red Hill é mt bom!!! Quem não queria um mineiro daquele sorriso
Eu gosto de Walk On no Rio… principalmente do Bono tomando uma cachacinha, hahaha!

NathelieJulienne

ah cara, eu gosto de todos os clipes deles.. kkkkkkkk 
eu amo lemon, numb, even better, e a versão animada do crazy tonight… eu acho ela legal e marcante, pelo menos pra mim…

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet