Bono foi vítima da escritora fictícia JT LeRoy!

Bono foi vítima da escritora fictícia JT LeRoy!

A história é tão mirabolante que virou filme! JT LeRoy era um ex-garoto de programa soropositivo, vítima de abusos sexuais em sua infância. Sua mãe seria uma prostituta viciada em drogas e ele teria sido criado numa pequena cidade do interior dos Estados Unidos.

Para completar o personagem conflituoso, JT seria um transexual com um visual andrógino. Ele lançou dois livros que se tornaram Best Sellers bem rápido, em todo o mundo: Sarah (2000) e Maldito Coração (2001). Frequentava o jet set em diversos países, participava de feiras literárias – esteve aqui no Brasil, na Flip, no Rio de Janeiro – e virou amigo de algumas celebridades.

É aqui que a gente entra. Bono se encontrou com JT LeRoy, posou para fotos, deu conselhos sobre a vida e a carreira, foi apontado como “brother” do “cara”. Em 2005, o castelo de cartas começou a ruir. A revista New York revelou ao mundo que o escritor não existia como se apresentava.

Tratava-se de um personagem inventado pela inglesa Laura Albert – que se passava pela empresária da escritora – e de sua cunhada Savannah Knoop, que utilizava uma peruca loura e vestes “alternativas”. Elas enganaram todo mundo com uma história fictícia sobre a escritora e persona cult misteriosa.

“Cuidado com os tubarões, seja você mesmo e nunca esqueça de onde você veio” – Bono

O filme Jeremiah Terminator LeRoy foi lançado ano passado e durante a divulgação da história, Bono foi citado por ter se aproximado do personagem.  O elenco conta com Laura Dern, Kristen Stewart e Jim Sturgess, dentre outros.

Veja o trailer abaixo.

Saiba mais sobre o filme aqui.

Colaborou: Luciana Pavanelli.

Deixe uma resposta