Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

18 novembro 2013 17:29

por: Mirrorball

A revista Forbes entrevistou Bono e Bill Gates sobre o trabalho humanitário que eles realizam em benefício da África. A longa entrevista, em inglês, já está online no site (veja aqui) e também será publicada na edição americana da revista de 2 de dezembro.

Na última pergunta, Bono fala sobre o U2:

Forbes: Última pergunta. Há muita pressão sobre vocês, pois as pessoas esperam grandes coisas. Os seus primeiros empregos incríveis criam pressão auto-imposta para os seus segundos empregos?

Bono: Eu ainda não abandonei o meu trabalho diurno, no entanto, há sempre essa possibilidade quando U2 lançar um álbum que ninguém estiver lá para comprá-lo. E de acordo com a minha banda, se eu continuar fazendo este tipo de evento, isso vai estar mais perto do que pensávamos. Eu tenho um emprego complicado, sabe, porque eu tenho que equilibrar ser um artista, que é o meu talento, e ser um vendedor. No U2, eu vendo melodias, eu vendo músicas. Aqui eu tento vender idéias, mas tenho que acreditar nelas, e então eu sou um bom vendedor. Há uma enorme pressão em não querer estragar a posição na qual você foi colocado.

Comentários

Não há comentários.

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet