Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

12 junho 2013 15:57

por: febottini

A chefe-executiva do projeto Chernobyl Children, Adi Roche, não gostou nem um pouco das críticas feitas ao Bono.

Amiga pessoal do casal Hewson há mais de 20 anos, Adi se irritou com o livro lançado pelo jornalista Harry Browne, chamado “The Frontman: Bono (In The Name of The Power).”

“A filantropia de celebridades pode vir de muitas maneiras, mas ninguém condensa melhor suas desilusões, pretensões e seus desatinados quanto o líder do U2,” afirma o editor.

O novo volume do livro, lançado para coincidir com a reunião de cúpula do G8, enfureceu Adi. “Estou devastada por este livro. Em termos de seu trabalho com direitos humanos e justiça, Bono é incomparável e alguém de quem devemos ter muito orgulho”.

Ela continua:

“Porque nós vivemos em uma democracia as pessoas podem escrever o que querem, mas o trabalho de Bono é o testamento e o antídoto para tal literatura e eu gostaria de encorajar as pessoas a não comprarem este livro.”

Sobre a afirmação no livro de que Bono deveria dar seu próprio dinheiro, Adi descreveu o casal Hewson como “doadores discretos”.

“Muito da doação deles é feita discretamente e é feita sem qualquer alarde e sem chamar a atenção.

Eles não estão fazendo isso para ganhar manchetes. A foto que eles fizeram na África para a campanha da Louis Vitton, na qual eles usavam a linha Edun, cada centavo que eles receberam foram para caridade. Nada disso virou manchete de primeira página.

Bono é um músico profissional e compositor, mas ele usa o palco para falar sobre essas questões. Mas isso não é só da boca pra fora, ele realmente age e coloca as palavras em prática.”

Sobre a referência no livro que diz que Bono é um “embaixador para a exploração imperial”, Adi considera isso como um grande insulto.

“Nós últimos 15 anos, Bono tem sido um defensor da justiça e dos direitos humanos, pelo desenvolvimento sustentável e ética no comércio.”

Fonte: Herald

Por Fernanda Bottini

UltraViolet-U2 no Twitter: https://twitter.com//ultravioletu2
UltraViolet-U2 no Facebook: https://www.facebook.com/UltravioletU2Brasil

É permitida a reprodução total ou parcial deste texto desde que obrigatoriamente citada a fonte.”

Comentários

Muito absurdo mesmo uma pessoa ter coragem de escrever um livro desse tipo, cheio de julgamentos. Será que esse autor convive com o Bono e a Ali e tem provas do que está dizendo? Concordo plenamente com a Adi Roche. Não convivo com os dois também, mas mesmo que isso seja uma opinião desse Harry Browne, com certeza ele não gostaria que alguém escrevesse barbaridades sobre ele. Infelizmente muitas pessoas constroem uma imagem de outras por meio de julgamentos.

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet