Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

30 abril 2011 12:21

por: Márcio Guariba

Vamos continuar com as histórias da passagem do U2 pelo Brasil, através do olhar dos fãs? Aqui vão mais alguns relatos de nós, malucos de carteirinha…

Olá a todos! 
Minha história para o show de 2011 começou com o e-mail enviado ao meu patrão abaixo (Privei o nome da empresa para não causar maiores constrangimentos! rsrsr). Ela é um resumo um pouco longo, mas vale à pena…

De: Grace [mailto:grace@…] 
Enviada em: terça-feira, 1 de março de 2011 17:32 -> ao final do meu expediente pois saio as 17:30!kkk
Para: diretoria@…
Assunto: Pode ser??

Sr Gian, venho através de este e-mail lhe informar que minhas férias venceram em janeiro/2011, e, não quero tirar férias. Será a mesma coisa de sempre. Mas com uma diferença este ano: Com 1 mês de antecedência, hoje, 01 de março, venho pedir encarecidamente 1 semana no mês de abril.
Preciso da primeira semana: Os dias 4; 5; 6; 7 e 8 de Abril, voltando em minhas atividades normais e anormais dia 11/04.

Minha proposta é que o Sr desconte esses 10 dias corridos, pois incluem os sábados e domingos de minhas férias. Pode ser?
No aguardo ansioso e positivo de sua resposta.
 Grace

P.S: (Na verdade estou pedindo encarecidamente e de coração, mas, se o aguardo ansioso da resposta for negativo, o pedido vira um comunicado de falta sem comprovação da mesma. E, infelizmente o Sr terá que me descontar, pois, por motivos de força mega maior a minha grande devoção a empresa (que tenho mesmo) não virei trabalhar.

Mas não pode ser considerada justa causa, e nem abandono de emprego!rsrsrs. Pois já me informei na contabilidade. (O Sr. me dá uma bronca, uma advertência que terei que assinar, e assinarei, descontará somente os dias corridos do meu salário, incluindo o domingo.) 
Então… Ele me deu as férias e ainda me pagou. 😉

E eu, fui bela e feliz para a fila dia 04/04/2011 as 20:30.(já tinha dado uma passadinha no domingo chuvoso, mas vim embora)
Chegando lá dou de cara com o LOUCO do Rodrigo, 1º da fila para o dia 13 e revi mais 4 amigos do show de 2006 (Alme, Juarez, Adalberto (são os 3 da mesma família) e a Talita. Eu até então “era” (continuo me considerando) a 1ª do Portão 2, eis que surge um “cambi” amigão dizendo que estava lá desde domingo, mas isso não vem ao caso…
Enfim… Fiz amigos novos… Refiz amigos antigos… Sabe aqueles q só trocamos olhares em 2006, mas sem vínculos ou conversas? E revi pessoas que passaram e continuam fazendo parte da minha vida desde 31 de janeiro de 1998 na Pop Mart. 
Mas as melhores partes (fora o show é lógico) da minha aventura foram quando, 6ª feira 08/04, estávamos eu, Will e Felipe voltando de uma tentativa frustrante no Aeroporto… Os três com cara de grilo… E o telefone toca: (era a esposa do Will dizendo pra corrermos pra lá, pois eles iriam ao Morumbi passar o som… Eu em meu estilo “Fiona de ser”, corri aquela João Saad de chinelo, levei um tropeção, arranquei a tampa do dedão e metade da unha (alguém achou pós-show?), mas nem senti NADA!

Consegui filmar os caras, tirei foto, não sabia se pedia autógrafo, se chorava se filmava…
E quando eles entraram quem eu vejo? O “Sr Ademir” (esse só eu tive o prazer), um ajudante da montagem de palco, beeem senhorzinho, que fiz amizade nos cafézinhos diários que a tia vendia perto do Portão quatro.
Na 3ª feira do dia 5 paguei o café com leite dele, pois ele (tadinho) estava contando moedas. Aí, ele disse assim: “Fia, você será bem recompensada”.
E quando ele me viu chorando desesperadamente, me pegou pelo braço e falou: “Oi fia, xô te pagar aquele café que estou te devendo”. Eu disse que não precisava, e  foi quando ele tirou a pulseirinha dele do braço, inteirinha, e disse assim pra mim: “Fia… obrigado pelo café… Gruda com durex ou chiclete e sobe lá pelo Portão 5 q o segurança de lá é novo” (só de escrever essa parte já começo a chorar…)
Foi quando apareceu a Sil em minha vida…
Nesta hora eu estava mais pra Bruxa da Branca de Neve do que pra Fiona…Aí ela me emprestou o tênis dela, um casaquinho de tricô pra cobrir meu “shortinho rosa e minha blusinha rosa”, colocaram um óculos escuro em minha cabeça, me deram pulseiras , a mulher do Wil me emprestou uns brincões…Parecia uma Lady!

E lá fui eu pelo Portão cinco…entrei…Fiz amizade com uns carinhas do “bar” (pra não perder o costume) Dei umas voltas pela numerada, pela arquibancada e lá no gramado dei de cara com o Lobão . Sentamos lááá no fundo e como ele mesmo diz, tivemos um show intimista… Já na saída da passagem do som eu saio por onde? Pelo portão principal!

E quando abrem os portões e começa aquela gritaria, quem sai? EU, em êxtase total, em choque, antes dos caras! Ficou aquele silêncio e só ouvi uma voz q nem sei de quem era: “OLHA… É A GRACE!” hauhauahua.

Essa é a 1ª e foi a mais emocionante! Dentre outras muitas e muitas e muitas…

(Grace Moreal – UV São Paulo)

Esse show foi simplesmente PERFEITO!!!!

Fui ao show de 09/04/2011, pista. Graças as coincidências do destino, cheguei em São Paulo na sexta-feira a tarde (moro em Joinville), pois ainda tinha que ir a um cartório fazer a transferência do carro que comprei de uma amiga (o carro é de São Paulo).

Então planejei fazer isso no  dia 08, já que teria que ir para São Paulo dia 09 de qualquer jeito…
O que não imaginava era na sexta a noite, quando cheguei na fila, logo fazendo inúmeras amizades (isso não tem preço), que esse seria o momento mais fascinante da minha vida. Há 20 anos comecei a gostar dessa banda, estar no show de 2006, na arquibancada, já foi a realização de um sonho, mas ter esses caras na minha frente e poder tocá-los, foi muuuiiitttooo mais que um sonho…
Nesse momento não tive reação, a não ser não conseguir tirar minha mão da deles, e em seguida, quando a ficha caiu, gritei muito, muito mesmo (o Bono me desculpe se não gosta de histeria, mas não tinha como controlar… hehehe).
Desculpe as fotos tremidas, esse foi meu momento especial de todas as 40 horas que fiquei sem dormir… valeu muito a pena, faria tudo denovo..
No show fiquei na grade e aproveitei cada momento, MARAVILHOSO!!!!

É isso…

Beijos

Juliana Alves (UV Santa Catarina)

Acho que tudo foi válido desde quase infartar tentando comprar o ingresso, esquecer o nº do RG na hora de preencher o formulario da T4FUN nos segundos que me restavam ou receber a confirmação para a compra e cair de choro de alegria….

Foi uma espera angustiante, NATAL, CARNAVALPASCOA…até a confirmação da vinda deles pra Brasília, ai sim, sabia que podia ser a minha chance de vê-los só passando de carro, e o mais perto que conseguiria, mas fui recompensada com fotos , autógrafos e um beijo…ah..o beijo do BONO….”.I was born /I was born to be with you /In this space and time….” e tudo fez sentido !!!

Dai tem sido um delirio só…não consegui voltar ainda à vida real. As imagens, os sons, os efeitos,a emoção não saem da minha mente. simplesmente a BEAUTIFUL DAY….

Abraços!

Gislaine Vicentini (UV – Brasília)

Bom, o melhor aconteceu para mim na véspera do show do dia 13/04. Dia 12/04, extamente as 23 alguma coisa, quase meia noite. Estavamos na frente do portão do Morumbi, depois de esperarmos por 6 horas dob chuva torrencial, com direito a raios, trovões e uma enxorrada imunda, que afugentou até os seguranças para dentro do estádio, quando aconteceu o inesperado, pois as possibilidades eram mínimas diante da tromba d’água que resolveu castigar SP naquela noite.
Os portões se abriram, saiu um carro vermelho e o chefe da segurança anunciou que todos já tinham ido embora. Mas fã é insistente e lá continuamos molhados a espera do milagre. E ele veio. Os guardas sairam primeiro e em seguida veio o carro negro. Começamos a gritar pois sabíamos que pelo menos um aceno de mão teríamos, mas Bono resolveu sair do carro e vir em nossa direção. Quando vi a cena de Bono vindo em minha direção eu dei um berro de assustar, mas me controlei a pedidos dos que estavam comigo, alertando que ele não gosta de tumulto.

Bono veio e segurou minha mão, no aperto de mão mais caloroso possível, o sorriso nos lábios e os olhos mais azuis que Deus podia dar a uma pessoa (mesmo escondidos atrás das lentes do óculos). Eu não queria, eu não esperava, eu sabia que ele acenaria, mas não que um dia eu iria tocar a mão daquele que até então era um ser inatingível. Foi o maior presente que já tive depois de 2006 quando pude ficar na hot area e ve-lo onde sempre gostei de ve-lo: no palco.
É isso…bem breve e direta.

Cristina Vox (UV – Rio de Janeiro)

Bem, querem saber o meu momento no show é isso? Na verdade não tive um momento e sim o momento, foi a noite mais fascinante da minha vida.Esperei por isso por muito tempo.Em 98 era menor de idade e foi o ano que nasceu meu filho, nem pais nem marido permitiram tal loucura, em 2006 não consegui comprar ingresso e assisti pela globo aos prantos, ainda hoje quando escuto o Zeca Camargo passo mal, traumatizei..rs

Prometi, e cumpri, que na próxima turnê eu moveria céus e terra, mas estaria la e na hot área.Meu sonho se realizou, após sair de Marabá/PA num vôo de quase 5 horas com escalas e uma semana hospedada no Morumbi Resort – constelação de estrelas quarto nr 09, eu e meu marido (o Pará) fomos o nr 43 e 44 a entrar portão 2 do dia 09/04/2011.

Entrei na inner circle, vi todos os integrantes passarem ao meu lado, cantei, chorei, cantei, pulei, cantei, gritei, cantei…

Sim, eu consegui… ainda não acredito, mas consegui.

U2 é minha filosofia de vida, minha trilha sonora e meu sonho realizado.

Cristina Ramos – UV Pará

No dia 13/04,realizei um sonho de vida:assistir a um show do U2..O melhor momento pra mim? Sem dúvida ouvir aquele início de guitarra de “Where the Streets Have no Name” Quantas vezes assisti videos dessa música sendo tocada ao vivo e me emocionei,lágrimas caindo sobre o meu rosto…

Foi isso que imaginei que aconteceria naquele dia no Morumbi, mas foi exatamente o contrário…Nos primeiros acordes, o sorriso no rosto, um sentimento tão grande de alegria, de realização por estar ali, no mesmo local que a banda, vendo na minha frente Bono, The Edge, Larry e Adam tocando a música que me acompanha a tanto tempo e representa o que a banda traz de melhor: energia, conforto, alegria.

Raquel – UV Paraná

E ai, estão gostando? Não pensem que acabou não! Continuem mandando os seus relatos, sempre com foto, para o e-mail do admistrador do site ou para o meu particular, marcioguariba@hotmail.com.
Ah! E sintam-se a vontade para me adicionar no Facebook, Orkut, Skype e MSN! Vamos manter contato!

Comentários

Legal demais Marcio……..cada historia fantastica….rsrs…….
Uma mais emocionante e surpreendente q a outra….rs…..
De sim continuidade….pois existem muitos queridos fãs q ainda querem ver e “rever” seus rostinhos por aqui rsrsrs

BjU2

Trabalho genial, primoroso rsrsrs

Legal demais Marcio……..cada historia fantastica….rsrs…….
Uma mais emocionante e surpreendente q a outra….rs…..
De sim continuidade….pois existem muitos queridos fãs q ainda querem ver e “rever” seus rostinhos por aqui rsrsrs

BjU2

Trabalho genial, primoroso rsrsrs

Vlw pelos elogios Fabiana!

Oi Fabi  querida!!!!!!!!!!
Hoje faz um mês e um dia que nos conhecemos……..se lembra que dia maravilhoso?
Não perderemos contato.
besitos
Luaprovado

Adorei a publicação.

Abç
Gislaine Vicentini

Nossa, Otima publicação…
Abçs

Parabéns msm….

Nossa, tem cada estória…bem legal ler esses testemunhos do pessoal. Vamos acompanhar os próximos capítulos!
MT

Ana Rita de Cassia

Show !
Espetacular !
os shows da turne 360º .
Marcaram minha vida pra sempre !
Site lindo !
rolando no chão, rindo alto

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet