Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

8 outubro 2007 09:52

por: followerU2

Fonte: O Popular

Jordan Hewson, 15, quase foi vítima de seqüestro há 11 anos. A informação está no livro que a filha de um famoso gangster irlandês acaba de lançar nesta semana, na Europa. Frances Cahill afirma no livro “Martin Cahill, Meu Pai”, que foi ele quem impediu que um grupo de marginais seqüestrassem Jordan quando ela tinha apenas 4 anos de idade. Segundo a escritora, a filha de Bono estava no centro de um golpe que renderia cerca de US$ 8 milhões. Cinco bandidos passaram seis meses rondando a casa do vocalista do U2 esperando o momento ideal para o seqüestro. No entanto, ao saber da intenção dos marginais, Martin Cahill – que também não tinha um passado dos mais louváveis – influenciou o grupo a desistir do atentado. Ele simpatizava com Bono. Martin Cahill foi um grande mafioso na Irlanda e ficou famoso por participar de grandes golpes. Ele chegou a ser chamado de “O General” devido a sua forte influência no submundo irlandês. Martin morreu assassinado em 1994. Sua filha, Fances Cahill acaba de lançar o livro “Martin Cahill, Meu Pai” contando a história de seu progenitor.

Nota: A matéria errou a idade de Jordan, que tem na verdade 18 anos.

Comentários

Não há comentários.

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet