Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

27 novembro 2005 13:20

por: followerU2

Fonte: EFE via Yahoo

O cantor irlandês Bono Vox criticou hoje o primeiro-ministro canadense, Paul Martin, por não destinar mais ajuda econômica aos países em vias de desenvolvimento e advertiu que pode sofrer as conseqüências nas próximas eleições. Segunda-feira o Governo de Martin enfrenta uma moção de censura no Parlamento que parece destinado a perder, ao contar com o apoio dos três grupos da oposição. Bono, que está em Ottawa com seu grupo U2 para tocar na capital canadense, afirmou hoje que embora pessoalmente goste de Martin, suas ações como político não lhe agradam até o ponto de sentir-se “magoado” pessoalmente. “Pessoalmente não só estou decepcionado, estou magoado porque realmente achava que o primeiro-ministro o faria. Pensei que, como antigo ministro das Finanças, seria capaz de fazer os cálculos”. O cantor, que nos últimos anos se destacou por seu ativismo em favor da ajuda aos países mais pobres do mundo, quer que o Canadá, o único país entre as nações mais ricas do mundo que tem há sete anos superávit fiscais, destine 0,7% do Produto Interno Bruto ajuda exterior. Martin não quis comprometer-se a alcançar esse objetivo apesar de ser um ideal formulado pelo ex-primeiro-ministro canadense e líder do Partido Liberal Lester B. Pearson, que estabeleceu o ano de 1969 como data na qual 0,7% do PIB canadense estaria destinado à ajuda. Atualmente o Canadá destina menos de 0,3% de seu PIB à ajuda exterior. Os países da União Européia estabeleceram chegar a 0,7% até 2015. Bono apareceu em 2003 na convenção do Partido Liberal que elegeu Martin como líder em substituição a Jean Chrétien, passo prévio a sua nomeação como primeiro-ministro do país. Bono e Martin disseram em público que se consideram “amigos”. “De fato estou perplexo com o homem. Gosto muito dele pessoalmente. Sinto que fracassamos em fazê-lo entender essa mensagem. Simplesmente acho que existe uma excelente oportunidade e que a está perdendo”, disse Bono. O cantor acrescentou que proporcionar ajuda econômica aos países mais pobres “é importante para o público canadense. Acho que o primeiro-ministro se dará conta se não aproveitar a oportunidade e que isso o escutará durante a eleição. Estou absolutamente seguro disso”, ressaltou.

Comentários

Não há comentários.

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet