Music can change the world because it can change people.

Bono

ULTRAVIOLET-U2 Brasil

você está em
Notícias

Voltar
lista de notícias

25 fevereiro 2002 15:56

por: Mirrorball

O cantor irlandês Bono Vox, líder do U2, disse em entrevista à revista americana Time, que lhe dedicou a capa de sua edição desta semana, que se desencantou com a música como uma força política.

Na entrevista, o cantor declarou: “Estou cansado de sonhar. Estou mais interessado em fazer o momento. Prefiro ter objetivos que estejam ao meu alcance”, e completou, “o U2 fala sobre o impossível, a política é a arte do impossível. São coisas muito diferentes, e estou resignado com isso agora.”

O músico acredita que suas negociações com políticos, “nos bastidores”, seja mais eficiente do que a música politizada.

Quando você canta, você torna as pessoas vulneráveis à mudança em suas vidas, mas, no fim, você tem de se tornar essa mudança que quer ver no mundo”, disse Bono.

O artigo tem um título irônico: “Bono consegue salvar o mundo? -não ria, o maior rock star do mundo embarcou numa missão de mudar o mundo”.

O músico foi homenageado recentemente num show em Los Angeles, por seu trabalho humanitário em benefício de vítimas da Aids na África, e por seu pedido de perdão da dívida de países pobres no fórum de globalização em Nova York.

O U2 concorre a oito prêmios Grammy esta semana.

Comentários

Não há comentários.

Busca

Assine

Lista de Discussão

Converse com os fãs do U2 por .

Redes Sociais

Facebook Twitter Google Plus RSS

Anúncios

Coloque seu anúncio aqui.

Contribua

Se você tem alguma dica de notícia sobre o U2 que ainda não publicamos, por favor envie-nos um email. O nosso endereço é dicas@ultraviolet-u2.com.

Por favor indique a fonte da notícia e, se houver uma foto que ilustre a notícia, anexe a foto ao seu email.

Nós Apoiamos

GRAAC Conheça mais sobre o GRAAC. Assista o vídeo. Você também pode ajudar. Faça uma doação ao GRAAC.
Ultraviolet